5 dicas para não errar na compra do seu primeiro carro

25 de maio de 2018 chat_bubble_outline 0 Comentários share
4
Shares

Veja quais são os principais detalhes que precisam ser analisados antes de adquirir o primeiro automóvel.

Conquistar o primeiro carro é algo muito além de apenas ter uma maior mobilidade. Segundo pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito e do portal de Educação Financeira Meu Bolso Feliz, comprar um automóvel é o 2º maior sonho de consumo do brasileiro.

Nesse momento tão especial é habitual agir por impulso, ação que costuma gerar problemas futuros.

Diante disso, elegemos cinco dicas fundamentais para você acertar na compra:

  • Não gaste mais do que você tem

Definir qual o modelo que mais se enquadra nas suas necessidades e interesses pode ser a chave do sucesso. Sair analisando todos os carros que encontra, sem saber ao certo o que você está procurando, é desperdício de foco e, consequentemente, de tempo. O ideal é listar os pontos que você deseja e o valor máximo que pretende pagar por cada opção.

  • Financiar o valor total do veículo é perder dinheiro

Dependendo da taxa de juros do financiamento, você pode acabar pagando um valor três vezes maior, no final do parcelamento, em relação ao preço à vista que o carro é vendido. Além de procurar as menores porcentagens de juros, muitos especialistas recomendam dar uma entrada de no mínimo de 20% do valor total do carro. Isso reduz, significativamente, o valor do financiamento.

  • Pesquise ao máximo

Nada de comprar o carro na primeira concessionária. Visitar diferentes locais é essencial para quem busca uma boa economia. Segundo a tabela da Molicar, em determinados casos, o valor da comercialização de um carro pode variar em mais de 5% entre uma cidade e outra.

Como em qualquer outra modalidade de compra, tentar negociar um desconto com o vendedor é sempre uma boa opção. Você pode até não conseguir aquele abatimento no preço, mas não se surpreenda caso receba algum tipo de benefício, como um aparelho de som, por exemplo.

  • Calcule todos os gastos que o carro vai gerar

Não adianta apenas pensar no valor da entrada e sair dirigindo, antes de efetuar a compra coloque os custos com as parcelas, combustível, Licenciamento, IPVA, Seguro Obrigatório, seguro contra terceiros (o mínimo recomendado) e manutenções preventivas dentro do seu orçamento. Realizar esse procedimento pode ser decisivo para você não fechar o mês no vermelho.

  • Chame uma pessoa de confiança e que entenda de mecânica para avaliar o veículo

Caso você pretenda comprar um carro usado e não tenha conhecimento sobre o funcionamento estrutural dos automóveis, não arrisque, chame alguém que possa lhe dar uma opinião consistente sobre o veículo. Em horas como essa que um mecânico de confiança pode fazer toda a diferença, afinal, escolher um carro em boas condições de uso pode evitar grandes prejuízos com manutenção no futuro.

O site Oficinas Online possui profissionais certificados em todo o Brasil que podem te auxiliar nesta hora.

Após comprar seu carro, não se esqueça de fazer a manutenção sempre de forma preventiva. Acesse www.oficinasonline.com.br e encontre uma oficina mecânica qualificada perto de você!

 

Sem Comentários

comment Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário

Deixe seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.