Afinal, de onde veio o primeiro automóvel movido a álcool?

16 de agosto de 2019 chat_bubble_outline 0 Comentários share
0
Shares

Em julho de 1979, a Fiat lançou no mercado nacional o primeiro carro movido a álcool, uma inovação brasileira para tentar diminuir a dependência frente ao petróleo

O Fiat 147, conhecido como “Cachacinha”, foi o primeiro automóvel movido a álcool produzido na unidade da montadora em Betim entre 1979 e 1987. Ao todo, foram vendidas aproximadamente 120.500 mil unidades. A relação custo-benefício do então novo combustível foi bem aceita, uma vez que o preço do álcool era 50% mais baixo que o da gasolina, fazendo a alegria dos motoristas.

Em seu motor, o Cachacinha era derivado do 1.3 carburado originalmente a gasolina. Tinha 60 cv e torque de 10 kgfm chegando até que cedo, a 2.600 rotações. Como velocidade máxima era de 140 km/h.

Alguns anos depois com o crescimento regular, a produção da “primeira fase” da leva do álcool combustível no Brasil atingiu o ápice em 1986, quando mais de 90% dos carros de passeio produzidos no país eram movidos a álcool.

Seu lançamento completou 40 anos neste ano, sendo um marco importante não somente para Fiat, mas para toda tecnologia que veio após esse advento.

Como o preço do petróleo caiu e o do açúcar subiu, a prosperidade desse biocombustível logo entrou em declínio e a produção se desequilibrou. O país com uma extensa frota a álcool, enfrentou desabastecimento do combustível e os produtores rurais deixaram de produzí-lo. Devido ao alto preço do açúcar no mercado, houve também a exportação de etanol para os Estados Unidos a partir de 1991. Esses e outros fatores conduziram a extinção do projeto Proálcool. Isso prejudicou a credibilidade do produto e fez com que o consumo sofresse uma forte retração.

Em 2000 era difícil encontrar um carro movido a álcool nas lojas. Quem quisesse um teria que encomendar. Somente em 2003 com o início da comercialização do Volkswagen Gol flex houve a possibilidade de escolher o combustível mais vantajoso.

Os carros mais modernos são fabricados com duas opções de combustíveis em um mesmo motor, são eles os chamados veículos flex. Hoje em dia, basta ligar o seu veículo e imediatamente sair sem nenhum impedimento técnico.

E para quem precisa de um reparo no veículo, seja ele a gasolina, álcool ou flex, acesse o site Oficinas Online e agende uma revisão em um das oficinas de confiança cadastradas e aproveite todas as vantagens desta plataforma.

Sem Comentários

comment Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a deixar um comentário

Deixe seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.